Sociedade | Academia Júnior | Programas

Verão Jovem na UAc “Os exploradores” - 3 a 7 de julho de 2017

 

Campus de Ponta Delgada

Grupo A (20 a 25 crianças)

 

2.ª feira

3.ª feira

4.ª feira

5.ª feira

6.ª feira

9h00

Acolhimento e visita ao campus

Robôs em movimento

A vida microscópica

Robôs em movimento

A Vida microscópica

C1 Empreendedor

Geociências

10h00

Peddy Paper: ao encontro do nosso Património Histórico

12h30

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

14h00

Projetar uma casa: Do Desenho à Maquete

Projetar uma casa: Do Desenho à Maquete

Há Matemática na Fotografia?

Há Matemática na Fotografia?

Agricultura, alimentação e pragas agrícolas

17h00

18h00

       

Retrospetiva da semana e Entrega dos certificados

 

Grupo B (20 a 25 crianças)

 

2.ª feira

3.ª feira

4.ª feira

5.ª feira

6.ª feira

9h00

Acolhimento e visita ao campus

Agricultura, alimentação e pragas agrícolas

C1 Empreendedor

Robôs em movimento

A vida microscópica

Robôs em movimento

A vida microscópica

10h00

O que dizem os mapas?

12h30

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

14h00

 Há Matemática na Fotografia?

 Há Matemática na Fotografia?

Projetar uma casa: Do Desenho à Maquete

Projetar uma casa: Do Desenho à Maquete

Geociências

17h00

18h00

 

 

 

 

Retrospetiva da semana e Entrega dos certificados

 

A vida microscópica

 

Coordenador: Carlos Alberto Gomes Ribeiro

Objetivos:

  • Familiarizar-se com algumas técnicas de estudo da célula.
  • Contactar com o ambiente laboratorial.
  • Treinar a manipulação de instrumentos (microscópios, lâminas, lamelas, montagem de preparações, etc.).
  • Desmitificar, de forma lúdica, as ciências biológicas.
  • Despertar o entusiasmo pelo fascinante mundo da biologia aplicada.

Agricultura, alimentação e pragas agrícolas

 

Coordenador: João Tavares e Luísa Oliveira

Objetivos:

  • Compreender a importância de combater as doenças e pragas agrícolas nos ecossistemas insulares.
  • Reconhecer que o combate às doenças e pragas agrícolas requer a participação proactiva dos especialistas em diversas áreas científicas, dos vários serviços oficiais (Governo Regional e Autarquias), das associações não-governamentais e da comunidade em geral.
  • Estudar as cadeias tróficas das várias espécies animais, algumas das quais são espécies ou subespécies endémicas do arquipélago açórico.
  • Compreender que a conservação das espécies ou subespécies endémicas do arquipélago requer a devida cautela, pois os repovoamentos sucessivos ou a exploração cinegética continuada podem conduzir à sua extinção. 
  • Reconhecer que a perda desse património natural e único constituirá um revés definitivo para a biodiversidade dos ecossistemas dos Açores.
  • Compreender que outras espécies, como o pardal e os ratos, deverão ser encaradas de maneira diferente, pois foram introduzidas pelo homem, tendo alterado sobremaneira as interações entre os meios biótico e abiótico existentes antes da sua introdução.

Há matemática da Fotografia?

 

Coordenador: Paulo Jorge Medeiros

Objetivos:

  • Identificar os comandos e programas da câmara fotográfica.
  • Compreender o significado de abertura, velocidade e ISO.
  • Utilizar a combinação correta de abertura, velocidade e ISO para a obtenção de uma fotografia bem exposta.
  • Utilizar algumas das regras de composição fotográfica para a obtenção de uma fotografia esteticamente apelativa.

O que dizem os mapas?

 

Coordenador: João José Monteiro Mora Porteiro

Objetivos:

  • Alargar o conhecimento geográfico.
  • Aprofundar práticas de análise espacial.
  • Compreender as diferenças básicas entre os documentos cartográficos mais usuais.
  • Identificar os usos e aplicações dos recursos cartográficos.
  • Conhecer os elementos fundamentais dos mapas e as técnicas de expressão gráfica.
  • Desenvolver competências de análise e interpretação do espaço.

Peddy-paper “Ao Encontro do Nosso Património Histórico”

 

Coordenadora: Susana Serpa Silva

Objetivos:

  • (Re)descobrir a importância da História como ciência.
  • Compreender o significado da História Local.
  • Reconhecer períodos relevantes da História de Portugal e dos Açores. 
  • Motivar para o estudo e a investigação nas áreas da História e do Património Cultural. 

Projetar uma casa: do desenho à maqueta

 

Coordenador: Andrea Henriques Marques

Objetivos:

  • Adquirir conhecimento acerca do exercicio da atividade profissional de arquiteto.

  • Adquirir conhecimentos que permitam a interpretação de desenho técnico simples em arquitetura.

  • Realizar uma maqueta com base num projeto simples de arquitetura.

Robôs em movimento

 

Coordenadora: José Cascalho

Objetivos:

  • Desenvolver competências na área da programação.
  • Aprofundar aptidões de e na resolução de problemas aplicados às atividades robóticas.
  • Aprofundar a capacidade de estabelecer relações de causa/efeito, de procura de soluções alternativas, de teste/verificação.
  • Aprofundar competências de trabalho em grupo e de planeamento de atividades perante desafios propostos.

C1 Empreendedor

 

Coordenador: Sandra Faria

Objetivos:

  • Identificar e desenvolver competências essenciais ao perfil empreendedor.
  • Entender como é criado o valor de bens e serviços e como a habilidade, o talento e a criatividade podem constituir mais do que a soma das suas partes.
  • Desmistificar a ideia de que um perfil empreendedor é importante apenas para quem pretende criar negócios.
  • Explorar as potencialidades de competências empreendedoras para qualquer profissional.
  • Compreender o impacto das competências empreendedoras na vida de cada indivíduo.

 

Verão Jovem na UAc “Os cientistas” - 10 a 14 de julho de 2017

 

Campus de Ponta Delgada

 

2.ª feira

3.ª feira

4.ª feira

5.ª feira

6.ª feira

9h00

Acolhimento e visita ao campus

 Há Matemática na Fotografia?

 Há Matemática na Fotografia?

A vida das Lagoas: dos genes aos ecossistemas

A vida das Lagoas: dos genes aos ecossistemas

10h00

À Descoberta dos alimentos

12h30   

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

14h00

Peddy paper: "O nosso património histórico"  

A vida microscópica

A vida microscópica

Vigilância de sismos e vulcões

Vigilância de sismos e vulcões

O jogo da guerra: "Os meandros das relações internacionais"

17h00

18h00

 

 

 

 

Retrospetiva da semana e Entrega dos certificados

 

À descoberta dos alimentos

 

Coordenadores: José Baptista e Elisabete Lima

Objetivos:

  • Avaliar a qualidade dos alimentos promotores de saúde através de técnicas laboratoriais de cromatografia.

A vida microscópica

 

Coordenador: Carlos Alberto Gomes Ribeiro

Objetivos:

  • Familiarizar-se com algumas técnicas de estudo da célula.
  • Contactar com o ambiente laboratorial.
  • Treinar a manipulação de instrumentos (microscópios, lâminas, lamelas, montagem de preparações, etc.).
  • Desmitificar, de forma lúdica, as ciências biológicas.
  • Despertar o entusiasmo pelo fascinante mundo da biologia aplicada.

Há matemática da Fotografia?

 

Coordenador: Paulo Jorge Medeiros

Objetivos:

  • Identificar os comandos e programas da câmara fotográfica.
  • Compreender o significado de abertura, velocidade e ISO.
  • Utilizar a combinação correta de abertura, velocidade e ISO para a obtenção de uma fotografia bem exposta.
  • Utilizar algumas das regras de composição fotográfica para a obtenção de uma fotografia esteticamente apelativa.

A vida das Lagoas: dos genes aos ecossistemas

 

Coordenador: Vitor Gonçalves

Objetivos:

  • Reconhecer a Biodiversidade nos seus diversos níveis.
  • Conhecer a diversidade de espécies de microalgas em lagoas com diferente estado trófico.
  • Aplicar técnicas de monitorização ecológica.
  • Reconhecer a molécula de ADN como molécula informacional genética.
  • Aprender a recolher e registar dados.

O jogo da guerra: "Os meandros das relações internacionais"

 

Coordenador: Luís Andrade

Objetivos:

  • Analisar o fenómeno da guerra.
  • Identificar as causas e as consequências da guerra.
  • Discutir a possibilidade de acabar com a guerra.

"Peddy-paper: Ao Encontro do nosso património histórico”

 

Coordenador: Susana Serpa Silva

Objetivos:

  • (Re)descobrir a importância da História como ciência.
  • Compreender o significado da História Local.
  • Reconhecer períodos relevantes da História de Portugal e dos Açores. 
  • Aprofundar o interesse pelo estudo e a investigação nas áreas da História e do Património Cultural.

Vigilância de sismos e vulcões

 

Coordenador: José Manuel Rodrigues Pacheco

Objetivos:

  • Familiarizar-se com algumas técnicas de monitorização sismovulcânica.
  • Experimentar trabalho em contexto de laboratório.
  • Contactar com o fenómeno de desgaseificação difusa.
  • Contactar com os trabalhos de registo sísmico.

 

Campus de Angra do Heroísmo

 

2.ª feira

3.ª feira

4.ª feira

5.ª feira

6.ª feira

9h00

Acolhimento e visita ao campus

Cozinha molecular:  A química dos alimentos

O que comem os  animais nos Açores?

Astronomia Moderna

Efeitos das mudanças globais nas microalgas marinhas

9h30

Como prevenir a transmissão de doenças?

12h30

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

14h00

Visita às     fábricas de laticínios da Terceira

As plantas que nos rodeiam    

Fecundação in vitro e desenvolvimento embrionário em bovinos

Aranhas e Insectos dos Açores

Visita ao Museu do Vinho dos Biscoitos

17h00

18h00

 

 

 

 

Retrospetiva da semana e entrega dos certificados

 

 

Astronomia Moderna

 

Coordenador: João Miguel Tavarela Silva Ferreira

Objetivos:

  • Despertar o interesse para a Astronomia e ciência em geral.

Aranhas e Insetos dos Açores

 

Coordenador: Paulo A. V. Borges

Objetivos:

  • Conhecer os principais grupos de artrópodes dos Açores.
  • Uso de Lupa na observação de aranhas e insetos.

  • Distinguir machos e fêmeas de aranhas.

A Química dos Alimentos

 

Coordenadora: Célia Costa Gomes da Silva

Objetivos:

  • Compreender, ao nível molecular, os alimentos e a sua transformação.
  • Familiarizar-se com algumas técnicas de laboratório
  • Adquirir metodologia experimental.

As plantas que nos rodeiam

 

Coordenadora: Rosalina Gabriel

Objetivos:

  • Observar o resultado de trabalhos de botânica e ecologia insular.
  • Aprofundar conhecimentos relacionados com espécies vegetais indígenas (nativas e endémicas) e exóticas e exóticas invasoras que constituem a flora do Arquipélago dos Açores.
  • Familiarizar-se com técnicas de inventariação da flora de uma área.
  • Reconhecer no campo algumas espécies de plantas endémicas e invasoras.

Como prevenir a transmissão de doenças?

 

Coordenadora: Maria de Lurdes Nunes Enes Dapkevicius

Objetivos:

  • Compreender que os microrganismos são ubíquos.
  • Compreender que a higiene é um aspeto fundamental na prevenção de infeções adquiridas na comunidade.
  • Conhecer as principais normas de higiene orientadas para a prevenção de infeções.
  • Familiarizar-se com as técnicas de assepsia e com a manipulação de microrganismos (grupo de risco 1).

Efeitos das mudanças globais nas microalgas marinhas

 

Coordenadora: Joana Barcelos e Ramos

Objetivos:

  • Aprofundar a consciência sobre as consequências do aumento das concentrações de dióxido de carbono na atmosfera para os oceanos e alguns seres vivos que nele habitam.
  • Analisar a relação entre o aumento das concentrações de dióxido de carbono e o pH da água do mar.
  • Observar o efeito da fotossíntese no pH da água do mar.

Fecundação in vitro e desenvolvimento embrionário em bovinos

 

Coordenador: Joaquim Moreira da Silva

Objetivos:

  • Observar espermatozoides e óvulos de diferentes espécies
  • Recolher e classificar gâmetas por diferentes métodos.
  • Familiarizar-se com técnicas de Fecundação in vitro.

O que comem os animais nos Açores?

 

Coordenador: Alfredo Borba

Objetivos:

  • Conhecer o Laboratório de Nutrição e Alimentação Animal
  • Apreender os princípios básicos dos Método e Weende e Van Soest.
  • Apreender os princípios de recolha de amostras.
  • Analisar e classificar os dados de amostras obtidas num laboratório.

Visita ao Museu do Vinho nos Biscoitos

 

Coordenadora: Maria Teresa Lima 

Objetivos:

  • Conhecer o Museu do vinho nos Biscoitos.
  • Compreender os processos de produção de vinho desde as uvas até ao engarrafamento.
  • Observar cepas em diferentes estádios de desenvolvimento vegetativo.

Visita às fábricas de lacticínios da ilha Terceira

 

Coordenador: José Estevam da Silveira Matos

Objetivos:

  • Conhecer as fábricas de lacticínios da Ilha Terceira que transformam leite de diferentes espécies.
  • Compreender que a higiene é um aspeto fundamental na produção de Lacticínios.
  • Conhecer as principais normas de higiene na produção de laticínios.

 

Campus da Horta

 

2.ª feira

3.ª feira

4.ª feira

5.ª feira

6.ª feira

9h00

Acolhimento no DOP

Biodiversidade do intertidal rochoso - lajinha

Anatomia de algumas espécies  marinhas

As Aves Marinhas dos Açores

As Aves Marinhas (SIG)

Aquicultura - Manutenção e cultivo de organismos marinhos vivos

O mercúrio como poluente

13h00

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

ALMOÇO

14h00

16h00

 

 

 

 

A semana em Revista

 

Anatomia de algumas espécies de peixes marinhos - Laboratório

 

Coordenador: João Gil Pereira

Objetivos:

  • Identificar algumas espécies de peixes utilizando chaves dicotómicas.
  • Conhecer as principais características anatómicas externas de peixes ósseos.
  • Conhecer algumas características anatómicas internas de peixes ósseos.

As aves marinhas dos Açores

 

Coordenadora: Verónica Neves

Objetivos:

  • Identificar as Aves Marinhas dos Açores.
  • Contactar com as coleções de referência de otólitos e bicos de cefalópodes utilizadas para estudar a dieta de Aves Marinhas.
  • Conhecer o software e ferramentas utilizadas no mapeamento das colónias de Aves Marinhas.

Aquicultura - Manutenção e cultivo de organismos marinhos vivos

 

Coordenador: Eduardo Isidro

Objetivos:

  • Conhecer as áreas principais de um Laboratório de Aquicultura.
  • Conhecer os tipos principais de sistemas de cultivo (aberto, semi-aberto e fechado).
  • Conhecer os principais equipamentos utilizados nestes sistemas (tanques, filtros, etc.).
  • Como montar um aquário e/ou sistema.
  • Conhecer os principais parâmetros físico-químicos envolvidos.

Biodiversidade do intertidal rochoso - Laboratório

 

Coordenador: João Manuel A. Gonçalves

Objetivos:

  • Compreender a necessidade da taxonomia biológica no conhecimento da biodiversidade marinha.
  • Conhecer as principais características dos grupos de macroalgas e de invertebrados marinhos do intertidal.
  • Saber utilizar bibliografia específica para identificar os principais grupos biodiversidade do intertidal (livros e páginas web).

Biodiversidade do intertidal rochoso - visita de estudo à Poça da rainha (Feteira)

 

Coordenador: João Manuel A. Gonçalves

Objetivos:

  • Identificar os principais grupos de macroalgas marinhas do intertidal.
  • Classificar os principais taxonómicos de invertebrados e vertebrados do intertidal.
  • Utilizar equipamento fotográfico comum (câmaras de “smartphones”) para caracterizar a biodiversidade do intertidal.

Impactes do lixo marinho no ambiente

 

Coordenador: Christopher Pham

Objetivos:

  • Apreender alguns procedimentos de segurança dentro do laboratório.
  • Processar das amostras recolhidas no dia anterior.
  • Identificar os diferentes tipos de materiais das amostras.
  • Determinar a densidade de plásticos com base nas amostras recolhidas.
  • Familiarizar-se com uma aplicação móvel da Agência Europeia do Ambiente. 

O mercúrio como poluente

 

Coordenadora: Valentina F. L. Costa

Objetivos:

  • Recolher amostras de cabelo e/ou músculo de peixe
  • Aprender a técnica de determinação de mercúrio
  • Analisar mercúrio
  • Interpretar resultados

 

 

Inscrição