Sociedade | Academia Sénior | Oferta Formativa

Cursos

 

Os Açores, a Política Externa Portuguesa e o Atlântico

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: : 1º Semestre 
Vagas: 20
Formador: Doutor Luís Andrade

Objetivos

O curso insere-se nos domínios das Relações Internacionais e da Estratégia.

Procurar-se-á desenvolver as temáticas relacionadas com os Açores, a Política Externa Portuguesa e o Atlântico.

Conteúdos programáticos

  • Os Açores e a Segunda Guerra Mundial
  • A Guerra Fria e a formação da NATO
  • As principais características da Guerra Fria e o papel de Portugal e dos Açores
  • O Pós-Guerra Fria e a Geopolítica
  • O Acordo de Cooperação e Defesa entre Portugal e os EUA
  • Considerações Finais

História medieval da Igreja

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: : 1º Semestre 
Vagas: 20
Formador: Dr. Hélio Soares

Objetivos

  • Oferecer uma visão global da caminhada da Igreja no período medieval, analisando a construção e consolidação do modelo de Cristandade
  • Analisar as influências da Igreja na sociedade medieval e as contradições e ambiguidades da aliança Igreja-Estado
  • Ressaltar os movimentos de reforma na Cristandade medieval, no sentido de busca de autenticidade evangélica
  • Analisar a influência do Cristianismo sobre as expressões culturais nesses dez séculos de História
  • Abordar criticamente o exclusivismo católico na Idade Média e o uso das armas em nome da defesa da fé

Conteúdos programáticos

A evangelização dos povos europeus. A vida religiosa. A ação missionária dos monges. A cristianização dos francos e a formação do Império carolíngio. As lutas e rupturas na Cristandade medieval. O conflito com o Islão. A separação da parte ocidental e oriental da Cristandade: o cisma. A decadência do Papado e o movimento de libertação da Igreja. A influência cultural e política da Igreja. A relação fé e ciência: as Universidades. A arte cristã medieval. A ascensão política do Papado e os instrumentos de repressão. A busca de outro modelo de presença cristã na sociedade. Os mendicantes. A vivência popular da fé. O desmoronamento da Cristandade medieval. Tendências nacionalistas e laicizantes na fase final da Idade Média. O enfraquecimento do Papado por divisões

Desafios filosóficos para pensar em comunidade

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: : 1º Semestre 
Vagas: 20
Formadora: Doutora Magda Carvalho

Objetivos

  • Compreender a comunidade de investigação filosófica enquanto modelo de diálogo filosófico
  • Identificar a dimensão substancial (cognitiva) e procedimental (metacognitiva) do trabalho reflexivo em comunidade de investigação filosófica
  • Praticar os vários momentos da comunidade de investigação filosófica
  • Refletir de forma fundamentada e crítica sobre a prática desenvolvida em comunidade de investigação
  • Compreender a especificidade e os desafios de uma pergunta filosófica e de um conceito filosóficos
 
Conteúdos programáticos

As aulas decorrerão no âmbito do trabalho prático da investigação em diálogo filosófico, podendo acolher uma diversidade de temas e problemáticas do interesse dos alunos.

Agricultura Biológica

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: : 2º Semestre 
Vagas: 20
Formador: A confirmar

Objetivos

Brevemente
 
Conteúdos programáticos

Brevemente

 

O Lugar da mulher na sociedade portuguesa

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: : 2º Semestre 
Vagas: 20
Formadora: Doutora Piedade Lalanda

Objetivos

  • Refletir sobre o papel social da mulher
  • Apontar algumas das alterações mais significativas, que marcaram o papel da mulher, nos últimos 50 anos em Portugal/Açores.
  • Conhecer algumas mulheres que fizeram a diferença na História
  • Refletir sobre os desafios atuais que se colocam aos homens e às mulheres em termos de papéis sociais

Conteúdos programáticos

  • O papel social da mulher
  • Alguns indicadores socioeconómicos que caracterizam o lugar das mulheres na sociedade portuguesa/europeia
  • A legislação, a história e as desigualdades de género que persistem
  • A realidade das mulheres portuguesas e açorianas nos últimos 50 anos
  • Mulheres portuguesas que fizeram a diferença – alguns exemplos
  • As mulheres de hoje, filhas, netas – que sociedade para o futuro?

Envelhecimento Ativo e Saudável: reflexões e desafios

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: : 1º Semestre 
Vagas: 20
Formador: Doutor Helder Rocha Pereira

Objetivos

  • Refletir sobre o conceito de saúde e suas implicações na vida quotidiana
  • Identificar os desafios que se colocam à promoção de um envelhecimento ativo e saudável ao nível da organização das sociedades, das respostas das comunidades e da responsabilização da participação individual dos cidadãos
  • Discutir estratégias de promoção de envelhecimento ativo e saudável alinhadas com os projetos individuais de saúde

Conteúdos programáticos

  • O conceito de Saúde: dimensões e implicações para o quotidiano
  • Prioridades para o envelhecimento ativo e saudável (abordagem à luz das propostas da OMS)
  • Desafios na construção da saúde ao longo da vida (as responsabilidades da sociedade, das comunidades e dos cidadãos)
  • Cuidar de Si e Cuidar de Outros: o equilíbrio necessário (vigilância de saúde, promoção de estilos de vida saudáveis, gestão das condições crónicas de saúde, apoio a familiares com dependência)

Literatura Açoriana

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: 2º Semestre 
Vagas: 20
Formadora: Doutora Maria do Céu Fraga

Objetivos

  • conhecer autores e obras representativos da literatura açoriana
  • julgar da adequação da conceptualização e afirmação da literatura açoriana
  • tomar consciência dos traços de açorianidade expressos em obras literárias de diversos géneros
  • ver na literatura um elemento de coesão e de intensificação do sentimento de pertença a uma comunidade
  • integrar a literatura na compreensão da vida pessoal e comunitária
  • estabelecer conexões entre a literatura e outras formas de expressão artística

Conteúdos programáticos

Neste módulo, obter-se-á uma perspetiva da literatura açoriana, integrando as obras e os autores estudados nas correntes artísticas e histórico-culturais da sua época e marcando ao mesmo tempo traços da sua originalidade, resultantes uma mundividência insular. Discutir-se-á, portanto, a oposição e a possibilidade de conciliação entre o interesse e o significado regional e a universalidade. 
Assim, na obra de escritores e poetas açorianos comentar-se-á o tratamento específico que, desde o século XVI aos nossos dias, foi dado a temas “universais” (amor, morte, vida quotidiana, viagem), analisando também alguns traços característicos que singularizam a “condição de ilhéu” e, especificamente, a açorianidade (oposição terra/mar, emigração, insularidade, isolamento, apego à ilha). Neste sentido, abriremos ainda um capítulo para os autores açorianos radicados nas Américas. 

Património Cultural

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: : 2º Semestre 
Vagas: 20
Formador: A confirmar

Objetivos

Brevemente

Conteúdos programáticos

Brevemente

 

 

Oficinas

 

Escrita Criativa: ficção

Polo: Ponta Delgada
Duração: 25 horas
Calendarização: 1.º semestre
Vagas: 10
Formadora: Doutora Maria Madalena M. C. Teixeira da Silva

Objetivos

  • Compreender os mecanismos da ficção
  • Proporcionar formas alternativas de expressão e de comunicação
  • Entender a língua como instrumento de conhecimento e reinvenção da realidade
  • Desenvolver a criatividade na manipulação da linguagem

Conteúdos programáticos

  • Mecanismos da ficção
  • A personagem
  • O espaço e o tempo
  • A ação
  • O narrador e formas de organização do discurso
  • Figuras do discurso

Inglês I

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: Dezembro a Fevereiro 
Vagas: 15
Formadora: Dra. Maria das Mercês Pacheco

Objetivos

  • Desinibir, descomplicar, “soltar a língua”
  • Desenvolver capacidade de comunicação que crie e incentive autoconfiança e autonomia do falante
  • Dar ferramentas de trabalho e comunicação

Conteúdos programáticos

  • O som da língua → a importância dos sons na comunicação, false friends, as pronúncias, desatar a língua
  • Vocabulário básico → alfabeto, cores, números, horas, dias, meses, estações, sentidos, dimensões, parentescos, profissões, nacionalidades, vida quotidiana
  • Gramática imperdível → verbos e tempos fundamentais (to be, to have, to do, to make, to go, to get; simple present, simple past, present continuous); pronomes; preposições; plural e singular; construir frases
  • Interacção com o outro → troca de informações pessoais e generalistas, fazer e receber pedidos, fazer e responder a perguntas, partilhar estados de espírito/corpo

Inglês II

Polo: Ponta Delgada
Duração: 20 horas
Calendarização: 2º semestre
Vagas: 15
Formadora: Dra. Maria das Mercês Pacheco

Objetivos

Brevemente

Conteúdos programáticos

Brevemente

Poesia 

Polo: Ponta Delgada
Duração: a confirmar
Calendarização: anual
Vagas: 15
Formador: Mário Sousa

Objetivos

Brevemente

Conteúdos programáticos

Brevemente

Atividade Física I 

Polo: Ponta Delgada
Duração: 2 aulas de 1h por semana
Vagas: 25
Formador: Nuno Miguel Pinto Contreiras

Objetivos

Trata-se de uma aula que tem como objetivo atingir a APTIDÃO FÍSICA FUNCIONAL, reconhecida como a capacidade fisiológica para realizar atividades normais do dia-a-dia de uma forma segura e independente (sem excesso de fadiga), através de exercícios motivadores que promovam o aumento da Força, Resistência cardiovascular, Flexibilidade, Coordenação e Equilíbrio, potenciando desta forma a autonomia diária e a adoção de um estilo de vida saudável.

Conteúdos programáticos

  • Análise de Condição Física (Questionários; Medidas Antropométricas; Medidas de Repouso; Aptidão Funcional)
  • Exercícios Aeróbicos
  • Exercícios de Força
  • Exercícios de Flexibilidade (postura e equilíbrio musculares)
  • Função Neurológica (habilidades manipulativas, agilidade, coordenação, memorização, raciocínio, equilíbrio/mobilidade e tempo de reação)

Atividade Física II

Polo: Ponta Delgada
Duração: 2 aulas de 1h por semana
Vagas: 25
Formador: Nuno Miguel Pinto Contreiras

Objetivos

Trata-se de uma aula que tem como objetivo atingir a APTIDÃO FÍSICA FUNCIONAL, reconhecida como a capacidade fisiológica para realizar atividades normais do dia-a-dia de uma forma segura e independente (sem excesso de fadiga), através de exercícios motivadores que promovam o aumento da Força, Resistência cardiovascular, Flexibilidade, Coordenação e Equilíbrio, potenciando desta forma a autonomia diária e a adoção de um estilo de vida saudável.

Conteúdos programáticos

  • Análise de Condição Física (Questionários; Medidas Antropométricas; Medidas de Repouso; Aptidão Funcional)
  • Exercícios Aeróbicos
  • Exercícios de Força
  • Exercícios de Flexibilidade (postura e equilíbrio musculares)
  • Função Neurológica (habilidades manipulativas, agilidade, coordenação, memorização, raciocínio, equilíbrio/mobilidade e tempo de reação)

Informática do Dia a Dia I 

Polo: Ponta Delgada
Duração: 30 horas
Calendarização: 1º semestre
Vagas: 10
Formadora: Doutora Isaura Ribeiro

Objetivos

Perceber a utilidade do computador como ferramenta auxiliar e muitas vezes indispensável para as atividades do dia a dia.

Conhecer as ferramentas mais adequadas em função do problema a resolver, quer para comunicar, quer para pesquisar, quer ainda para partilhar informação.

Conhecer algumas aplicações que permitem simplificar algumas atividades diárias.

Conteúdos programáticos

  • Noções básicas sobre o computador
  • Comunicar
  • Pesquisar informação
  • Partilhar informação
  • Aplicações úteis na atividade diária

Informática do Dia a Dia II

Polo: Ponta Delgada
Duração: 30 horas
Calendarização: 2º semestre (data a definir)
Vagas: 20
Formadora: Doutora Isaura Ribeiro

Objetivos

Brevemente

Conteúdos programáticos

Brevemente

 

Atividades anuais

 

Grupo Cénico

Polo: Ponta Delgada
Duração: Anual
Guionista e Encenador: Vítor Melo

Grupo Coral “Vozes ao entardecer”

Polo: Ponta Delgada
Duração: Anual
Formadora: Mestre Maria Rita Medeiros Andrade Medeiros

Objetivos

  • Desenvolver/exercitar as capacidades vocais
  • Conhecer repertório vocal diverso (regional, tradicional, clássico, litúrgico)
  • Adquirir competências de sociabilidade e partilha de um projeto comum

Conteúdos programáticos

  • Técnica vocal
    • Exercícios respiratórios
    • Vocalizes
  • Repertório específico de acordo com a época do ano e das diferentes solicitações
    • Temas de Natal
    • O cantar às estrelas
    • Temas tradicionais de todas as ilhas
    • Homenagem a diversos poetas ou compositores